voltar

Paysandu segura empate fora e complica vida do Luverdense

18/10/2017

O Paysandu conquistou um importante empate fora de casa ontem à noite. Visitando o Luverdense, pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro Série B, o Papão saiu na frente, logo no começo do primeiro tempo, com gol de Bergson, mas cedeu a igualdade por 1 a 1 a Marcos Aurélio, pouco antes do intervalo.

Com o resultado, o time de Belém chegou a 38 pontos, ainda ocupando o meio da tabela da segundona. Já o Alviverde perdeu a grande oportunidade de sair da zona de rebaixamento, somando os mesmos 35 pontos do 16º colocado Guarani, que fica fora do Z4 por conta dos critérios de desempate.

Pela próxima rodada, o time de Mato Grosso volta a jogar em casa diante do Goiás, no próximo sábado. No mesmo dia, novamente como visitante, o Bicolor paraense vai ao Paraná encarar o Londrina.

O JOGO

O começo do confronto no estádio Passo das Emas foi ingrato para os torcedores da casa. Logo de cara, o Luverdense criou duas grandes chances em sequência, mas acabou parando nas mãos do goleiro Emerson e viu os visitantes abrirem o placar.

Primeiramente, aos cinco minutos, o atacante Rafael Ratão teve o chute abafado pelo arqueiro bicolor, após linda jogada de triangulação. Logo na sequência, depois de um minuto, Emerson salvou de novo, espalmando para fora o perigoso chute de longa distância do volante Marcos Aurélio.

O tento do Paysandu, anotado aos 13 minutos, veio através de uma jogada ousada de Bergson. Após receber no meio-de-campo, o centroavante resolveu emendar do meio da rua e acabou pegando Diogo Silva de surpresa. A chegou muito forte, e o goleiro não conseguiu alcançar.

Depois de inaugurado o placar, o duelo esfriou e acabou ficando muito preso entre os meias e volantes. Os mandantes tentavam ficar com a posse de bola, mas acabaram tendo dificuldade para criar jogadas mais agudas, enquanto o Papão seguia esperando pela oportunidade de um contra-ataque.

A partida só voltou a esquentar a partir dos 30 minutos, quando o Alviverde conseguiu causar perigo para a defesa adversária. Mesmo com as chances, o empate vei apenas nos momentos finais da primeiro tempo.

Aos 48 minutos, o lateral esquerdo Paulinho cruzou para o meia da área e encontrou Marcos Aurélio, que apesar do pouco tamanho, conseguiu testar para as redes.

Na segunda etapa, as equipes repetiram o começo intenso, trocaram alguns contra-golpes, mas nada de muito perigoso e muito além de algumas defesas de dois tempos e chutes que tiraram tinta das traves. Com isso, o empate por 1 a 1 se estendeu até o apito final.


voltar

26.382.307 pageviews